Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

VAB da Agropecuária

O RS contribui com 11,5% do VAB agropecuário brasileiro em 2018

O Valor Adicionado Bruto da Agropecuária brasileira em 2018 foi de 309,6 bilhões de reais. O Rio Grande do Sul contribuiu neste montante com 11,5%, isto é, aproximadamente 39,3 bilhões de reais.

Embora na matriz do VAB Total do Rio Grande do Sul o setor participe com somente 9%, esta atividade possui grande importância para a economia gaúcha, pois dela derivam inúmeros segmentos da agroindústria e há também uma grande influência da atividade no setor de exportações. O setor também possui grande importância para os pequenos municípios, onde é responsável por impulsionar inúmeras atividades, principalmente de comércio e serviços. Quarenta e sete por cento do VAB Agropecuário do Estado (R$ 16,5bilhões) é oriundo de municípios com menos de 10 mil habitantes.

A maioria dos municípios gaúchos tem o cultivo de grãos como produção principal. A exceção fica com Caxias do Sul, onde valor do VAB da Agropecuária está associado principalmente à horticultura e criação de aves. Os municípios de Cachoeira do Sul, Vacaria, Dom Pedrito, Uruguaiana, Alegrete, Tupanciretã, São Gabriel, Itaqui, Santa Vitória do Palmar, Canguçu, São Borja, Camaquã, Palmeira das Missões e Arroio Grande se destacaram em 2018 por apresentar VAB superior a 300 milhões de reais, tendo o cultivo do arroz e a criação de bovinos como principais produtos.

Evolução do VAB da Agropecuária RS no período 2008-2018

Fonte: IBGE/Contas Regionais

Atlas Socioeconômico do Rio Grande do Sul